José Valdir Pereira
     Inicio   
    Menu

 »  Home
 »  Livros do Poeta - Leia aqui
 »  Poesia do poeta - Leia aqui
 »  O poeta em fatos e fotos
 »  Link´s Selecionados
 »  Contos e crônicas do poeta
 »  Consultoria - Contrate
 »  Videos
 »  Mural de Recados - Deixe o seu
 »  Fale com o Poeta - E-mail
 »  Livraria Virtual - Livros
 »  Álbuns
 »  Rondônia/Municípios - A história

   Mural
   
 
   O que está em movimento
 

APRESENTAÇÃO
 
A delicadeza, a gentileza e a elegância nos gestos
são componentes indispensáveis ao contentamento do coração.
Quem já não ficou feliz porque alguém, desinteressadamente,
lhe exprimiu um sorriso?

E um aceno, deixando sair um "olá!",
um "tudo bem?", que tal, não é aprazível?

Se soubessem os pais,
a escola e quem têm a responsabilidade de educar,
jamais esqueceriam nos currículos
a listagem de objetivos educacionais
voltados à consecução de resultados que contemplassem
o desenvolvimento dessas atitudes nas crianças,

nos jovens e até nos adultos.
Procuro, nos meus versos,
na minha poesia e nos meus pensamentos e frases,
deixar um pouco da mensagem do amor
e da necessidade de semearmos
atitudes que possam alterar, nem que seja um tantinho assim,
os desígnios da humanidade, que, nos últimos tempos,
está perdendo a beleza da convivência
e a razão maior da nossa existência, que é o amor!"

José Valdir Pereira


Blog do poeta jose valdir pereira
 
www.josevaldir.blogspot.com.br


MINHAS POESIAS E PENSAMENTOS


"Quando a solidão aportar
Na minha derradeira aflição de estar só,
É o que sempre acontece quando tu te vás,
Convicta de ter-me enfim vencido e, por isso,
Fizer-me vê-la festejar Tua glória ante meu último suspiro,

Porque, além de ti, me foram todas as flores,
Terei nas sementes a certeza de um novo recomeço...
E, teimosamente, por amar-te, dar-me-ei a ti outra vez!"

José Valdir Pereira


"Sou agradecido a Deus em poder sair por aí,
Amando e sendo amado nos toques das palavras dos meus versos...

Sou agradecido a você que me acolhe, nos olhos e no coração,
Céu nevoento ou não, chão molhado, noites de escuridão,
Sozinho nas planícies da vida... estou eu em suas mãos,
Acariciado nos meus livros, nós dois, um no outro,
E em cada um, do outro a sua porção...

E às flores, o meu amor maior, porque dão-me afagos,
Perfume e um cantinho e motivos para amar...

Somos um só coração: Deus, você, as flores e eu!"

José Valdir Pereira

ROSA - josé valdir pereira

Viver exaustivamente todos os momentos
de minha existência,
a procura de quem saiba
e possa me fazer amado,
sempre amado e eternamente amante,
parece ser o desejo ardente que encerra
meu coração.
 
Que caminhos percorrer,
que rosas procurar,
eu não sei.
 
O que sei é que ali,
em algum lugar, existe uma rosa.
 
Assim,
Pura, alegre, singela e, sobretudo, rosa.
 
Tão rosa quanto àquela que perfuma,
suaviza, resplandece e que faz ressurgir
o amanhecer,
a vida.
 
Tão rosa quanto aquela que procuro.
 
 
 
 



"Não é pelo tanto que deixas de fazer de errado que te aproximas do sagrado. mas pelas vezes que és solidário, altruísta e samaritano!"(josé valdir pereira)



"O homem é tão inseguro e vulnerável que duvida dele próprio!"
(josé valdir pereira)

"Prefiro semear amor, mesmo em terras áridas, a calar, a debruçar-me nas tormentas da solidão!"(josé valdir pereira)



 
 
   Videos
 
  
   Lançamento do livro "A Estrelinha e seus amigos"    
 
 
  
   Céus de Rondônia - Documentário musical - Por Humberto Amorim - 2013 - Contém declamação de uma poesia do poeta    
 
 
  
   Hino de Porto Velho e de Rondônia e algumas imagens da região    
 
 
  
   Homenagem ao poeta pela Câmara de Vereadores de Porto Velho - Cidadão Honorário - 2010 - Uma iniciativa do vereador Gean Oliveira    
 
 
  
   Historiadora Yêdda Borzacov fala no lançamento do livro do poeta e escritor jose valdir pereira    
 
:: Veja Mais   
 
   Visitantes:

     :: On line: 1
     :: Hoje: 4
     :: Ontem: 6
     :: Total: 117439
     :: Contato: 75
     :: Recado: 10
 


   Salmo:


   Em Destaques

"Que saiba morrer quem viver não soube”
Bocage




_________________________________________________________________________________


VAI ACONTECER - C O N V I T E

O Clube do Leitor da Escola Municipal de Ensino Fundamental Filgueiras Lima, em Fortaleza, estará apresentando neste quarta-feira, 23 de agosto, a partir das 9 h e 40 min, Sarau com a apresentação do poeta José Valdir Pereira.

A coordenação do Evento é da professora Márcia, responsável pelo Projeto Clube do Leitor, que tem como objetivo promover e estimular o gosto pela leitura e escrita, através de ações desenvolvidas na biblioteca da escola.

O projeto do clube convida escritores, poetas, convidados voluntários que desejem colaborar no desenvolvimento da leitura e escrita dos alunos, funcionários, da comunidade escolar, em geral e, mais especificamente, os alunos do Clube do Leitor.




_________________________________________________________________________________


QUERIDA FILHA REBECA

  Hoje é teu aniversário
 Completas 15 anos, graças a Deus e a Nossa Senhora, mãe de Jesus, que te protege e te guarda, que te cobre de amor, paz e saúde...
 Que continues sendo essa doçura de filha, de irmã, de moça, menina, mulher...
 Vai, segue assim, bondosa, meiga e gentil, construindo tua vida à luz dos ensinamentos de Deus, dos teus pais e do teu coração abençoado...
 Segue e seja por todo o sempre, uma mulher abençoado é comprometida com o amor, com o bem e com os valores e as virtudes inspirados nos ensinamentos dos escritos sagrados e dos ensinamentos dos teus pais.
 Teus pais têm orgulho de ti, por estares aqui é por seres esta filha amorosa, meiga, dócil e gentil, educada e dedicada, que já compreende o valor de se viver para o bem e para o amor...
 Que Deus continue te guardando, te abençoando e te cobrindo de saúde, levando-te, saudável e forte, ao sucesso, à realização de todos os teus sonhos e desejos.
Nós te amamos. Você é nosso grande tesouro, nossa amada filha, o presente que recebemos de Deus e de Nossa Senhora, Santa Ana, avó de Jesus, e de Santa Maria, mãe de Jesus.
Teu nome, Rebeca DAnne Marie Vieira Leite Pereira, é uma homenagem à uma das grandes mulheres bíblicas, Rebeca, esposa de Isaac, filho de Abraão e pai de Jacob, à avó de Jesus, Santa Ana, e à mãe de Jesus, Nossa Senhora, Maria.
 Parabéns, Rebeca, filha querida e amada.
- jose valdir pereira -




_________________________________________________________________________________


DA DOÇURA DA POSSE...

O que anda se apossando de mim,
e toma-me o tempo que quer, como se já fosse seu...
O que me leva para dentro, e me encerra no seu leito, como se já fosse dona...
o que já me faz perder o juízo, viver ao sabor do seu jeito,
como se pedisse para fazer morada em mim, no jeito gentil de cuidar...
Deixa-me pensando...e me perco de mim, como se tivesse me deixado domado e, domado, renascido para inimagináveis ardentes desejos...

Ah, você não sabe o que é ter o amor pleno de uma mulher, como se fosse tua, não só por ser, mas por tudo que é... (...)

ouve e diz...o que faz uma canção...um olhar envenenado...
que é como se te puxasse bem pra dentro do coração...morde os lábios, sorri e ainda disfarça que não deseja o apimentado amor da entrega...
e depois te leva, possessiva e dona, para o céu...o seu...

Ah, você não sabe o que é e como é o amor de uma mulher, que toma posse e se instala e ponto.

E nunca mais vai dizer que vive sem ser amado, profundamente tido, possuído e amado...

- jose valdir pereira -




_________________________________________________________________________________


PORQUE VOLTEI PRA TI...

De longe, muito longe,
volto e bem cansado,
e não encontrei,
o que procurava.
Em cada lugar que eu passei, passava,
tudo de nós, a saudade lembrava...

E foi aí, então,
que eu resolvi voltar,
porque aqui é o melhor lugar,
pra se viver...

Fala, amor,
diz pra mim o que você vai fazer,
abrir os braços e dizer que sim,
que foi bom eu voltar pra você...

- jose valdir pereira -




_________________________________________________________________________________


LEITURA EM MOVIMENTO



_________________________________________________________________________________


Momento da abertura do evento de lançamento do livro "A Estrelinha e seus amigos",
em Guajará-Mirim-Rondônia, em maio de 2017




_________________________________________________________________________________


O poeta e seu amigo de todas os tempos



_________________________________________________________________________________


O mais recente livro do poeta "A estrelinha e seus amigos",
infantojuvenil, um lançamento editora Prêmius - dezembro de 2016.




_________________________________________________________________________________


Recentemente - maio - com minha irmã e sobrinho,
em Porto Velho-Ronrônia




_________________________________________________________________________________


Lançamento do livro do poeta
"A Estrelinha e seus amigos",
em Buritis-Rondônia, dia 18 de maio de 2017.




_________________________________________________________________________________


Apresentação do livro do poeta
"A Estrelinha e seus amigos",
na escola municipal de música, "Som na Leste", em Porto Velho-Rondônia.




_________________________________________________________________________________


Lançamento do livro do poeta,
"A Estrelinha e seus amigos",
em Guajará Mirim-Rondônia, dia 2 de maio de 2017.




_________________________________________________________________________________


Lançamento beneficente do livro do poeta
"A Estrelinha e seus amigos"
na clínica de Oncopediatria, do Hospital de Base,
em Porto Velho-Rondônia, dia 26 de abril de 2017.




_________________________________________________________________________________


SEMENTE SEM SER CUIDADA, NÃO GERMINA!
- jose valdir pereira -




_________________________________________________________________________________


"Para que o homem enxergue a mulher com os olhos da alma e do coração,
precisa conhecer melhor o mundo feminino!"
jose Valdir pereira




_________________________________________________________________________________


MINHAS FLORES SÃO TUAS...

Minhas flores também são tuas,
porque são presentes da natureza,
e adoro oferecê-las a ti, todas,
porque vêm das mãos de Deus.

Mas me dizes, se as levares, em que jardim estiveram,
se estão belas e vão ser por ti, também, amadas,
que teu zelo por elas será tão igual ou maior que o meu,
para que eu perceba que,
mesmo longe de mim,
continuarão belas.
- jose valdir pereira -




_________________________________________________________________________________






_________________________________________________________________________________


DO MEU DESLUMBRAMENTO QUANDO TE VI

Te vi encantada, tal anjo, quando te encontrei no leito esta manhã, em plena contemplação da luz do amor que surgia nos teus olhos, no aparecer do amanhecer...

Vi que teus olhos, tão lindos e reluzidos pela luz que incidia em teu lindo rosto, estavam brandos, calmos e angelicais...

Tive desejos, controlei minha fome de te beijar, imaginei tê-la em meus braços, fechei os olhos e sonhei com tudo isso, tomado pelo teu encanto, em deslumbramento, te amei...

- jose valdir pereira -




_________________________________________________________________________________




DEUS...

"Antes de tudo, antes do tempo, da matéria, da forma e do lugar. Deus estava em tudo e tudo estava em Deus. Inefável, infinito, imutável, impassível, todo espírito, todo luz. Imortal, invisível, puro, sábio, justo e bom!"
(Do filme Henrique IV)




_________________________________________________________________________________


"O homem que obedece a Deus, não precisa de outra autoridade."
(Petr Chelčický)




_________________________________________________________________________________


" Há palavras que tem sombra de árvore
outras que têm fluido de astros
Há vocábulos que têm fogo de raios
E que incendeiam o espaço onde caem
Outros que se congelam na língua
e se estilhaçam ao sair ,
...
Há palavras como imãs
que atraem os tesouros
Outras que se descarregam como vagões
sobre a alma .
armadilhas ..."
Vicente Huidobro




_________________________________________________________________________________


PORTO VELHO, 101 ANOS - UMA MOÇA CENTENÁRIA...

ALGUMAS LEMBRANÇAS RESTAM, AINDA...(da tua mocidade)
“O valor é a lembrança.” (Machado de Assis)

Quando cheguei em tuas terras,
o navio apitou, havia muita gente no barranco,
nada entendia nesse tal alvoroço,
era uma criança ainda sem sonhos,
sem esperanças, cheia de espantos,
apenas olhava, via e sorria...

(...)
Aos pouco, o navio aportava e chegava, ancorava,
muita alegria e sorrisos tomavam conta de quem chegava,
de quem para ali acorria,
era uma cidade pacata e alegre, todos celebravam, era uma festa,
era como o nascer de um novo dia...

(...)
Bem perto dali, era grande o movimento dos trens que em teu solo corriam,
apitos, gente caminhava, carga e descarga nos vagões,
fumaça e muito barulho,
eras uma cidade efervescente, emergente, que crescia...

(...)
Pelo teu majestoso rio, pelos trilhos dos teus trens que te deram vida, chegavam e se viam teus novos filhos, cheios de esperanças, fé e crença, que teus braços e coração a todos acolhiam, era só felicidade de quem aportava, era muita festa e muita alegria àqueles que recebiam...

(...)
Terra, terra minha, depois de tantos anos, ainda és jovem e, também, envelhecida,
e muito, muito mudou, já não ouço os apitos dos teus trens, já não chegam navios, o teu rio agora é outro, são outras alegrias, outros sorrisos,
outros movimentos...agora és outra cidade...
E não sei mais dizer, quem sou eu, quem és tu...
Apenas o que fomos, nas poucas lembranças, da parte que nos restou...
- jose valdir pereira -




_________________________________________________________________________________


"Uma criança feliz é uma criança saudável.
Uma criança saudável é uma criança feliz.
Faça sua criança feliz!"
(jose valdir pereira)




_________________________________________________________________________________


Porto Velho-RO, galpões da ferrovia Madeira-Mamoré,
traduz o romantismo, o lirismo e a nostalgia da cidade.




_________________________________________________________________________________


Ipês em uma das avenidas de Porto Velho - Rondônia

"Enquanto houver vontade de lutar haverá esperança de vencer."
(Santo Agostinho)




_________________________________________________________________________________


Inaugurado em Porto Velho o Teatro Palácio das Artes.

Assim como o teatro Palácio das Artes de Belo Horizonte, este de Porto Velho tem papel fundamental na viabilização de projetos nas áreas de Literatura, Música Popular e Erudita, Teatro, Dança e Artes Plásticas, e destaca-se não somente por ser um centro de exibição, como também espaço para a produção e fomento às artes.




_________________________________________________________________________________



Entrar no meu mundo é aprender a olhar,
de forma diferente, as verdades, os segredos, a feiura,
a beleza, a nobreza e a pobreza da vida...
(José Valdir Pereira)

Dai-lhe, Senhor, o repouso eterno. E brilhe para ele a vossa luz. Descanse em paz. Amém.

TOQUE-ME...
"Toque-me com as mãos, com as palavras, com o olhar, do jeito que for, com a boca, mas toque-me...
com um abraço, com um beijo, com um aceno, à noite, em plena luz do sol, do jeito que for, mas toque-me...
com ou sem pegada, de jeito ou sem jeito, com ou sem malícia, de vagar e sutil, debaixo da toalha, do lençol, com os lábios ou com os dedos, mas toque-me...
(...)
de todas as maneiras ou de uma que for, ao sair, ao chegar, apaixonadamente ou de leve, com toda a timidez que te parece, da forma que te apetece, do jeito que for, um toque, mesmo acabrunhado, mas toque-me...
Quero sentir teus toques, tímidos ou afoitos, ardentes ou velados, intensos ou serenos, do jeito que for, mas quero...Espero - Toque-me!"
(...)
(Jose Valdir Pereira)



Um dos maiores problemas da humanidade é que, enquanto seus integrantes e caminhantes, não sabemos amar a quem podemos e temos, nem deixamos que nos amem; fechamo-nos e ficamos impenetráveis. Seguimos cheios de gente por todos os lados, e não percebemos quem conosco segue, quem por perto vai...e o pior: nem notamos a quem, cheio de amor por nós, percebe, persegue, oferece...AMOR!
(jose valdir pereira)


"Seja livre; livre para ir e vir; para ser e não ser; ter e não ter. Defenda sua liberdade, sua idiossincrasia, sua opção sexual, religiosa, política e acadêmica, a igualdade em direitos e deveres, mas não interfira na liberdade dos outros e nem delimite espaço, nem tempo, nem sonhos. E mais: deixe de se incomodar com a felicidade dos outros!"
(jose valdir pereira)


O MENINO QUE ADORAVA LER...
"...E lia tudo, até as palavras que não via, as letras que se escondiam no outro lado do verbete; versos dos anjos, as letrinhas no papel; no escuro, ou à luz de vela, lá estava o menino a ler...E lia tudo: o assobiar do vento, a brancura branquinha das nuvens, o cabelo da espiga de milho no milharal da primavera, o coaxar das untanhas, o voar das andorinhas, o sorriso do gato, a chuva fina que lhe molhava os pensamentos, a flor que perfumava seus desejos, o caminho que caminhava, a vida que levava e os livros que às mãos lhe chegavam...não era triste, esse menino, mas, sim, alegre como o quê; lá ia o menino que lia tudo, até a beleza do esplendor do céu, que parecia ter letras, aquelas do papel...Lia tudo mesmo...até o amor que sentia, a beleza que a vida lhe parecia, a chegada da primavera, a despedida do inverno sem chuva e o fim feliz de um amor que dava certo...era alegre o menino que adorava ler...Era uma vez um menino que adorava ler..."
(jose valdir pereira)





© Direitos Autorais Reservados
jose valdir pereira

Santo Anjo do Senhor;
meu zeloso guardador,
já que a ti me confiou a piedade divina,
sempre me rege, guarda, governa e ilumina.
Amém

Os direitos autorais são protegidos pela lei nº 9610/98
Violá-los é crime - artigo 184 do Código Penal Brasileiro.
Não copie sem a autorização do autor!

Foto: capas de livros publicados pelo escritor e poeta

Todas as imagens e citações, salvo indicação em contrário, foram tomadas a partir da Internet e são considerados de domínio público. No caso em que ainda há um problema ou erro com material com direitos autorais, a quebra de direitos de autor não é intencional e não comerciais e o material será removido imediatamente após a prova apresentada. Este site não tem fins lucrativos.




_________________________________________________________________________________



   Variedades

 
[02/07/2015] - Livros - Editoras veem paralisia de governos
[18/06/2015] - Quer mudar de vida, mas não sabe por onde começar?
[27/05/2015] - Curta Amazônia Mundi apresenta
[27/04/2015] - Presidente da Academia de Letras de Rondônia -2008
[15/04/2015] - Profana cachorrada sagrada -- jose valdir pereira
[14/03/2015] - Dia Nacional da POESIA - 14 de março
[01/03/2015] - Provérbios 31 - Ditados do rei Lemuel; uma exortaç
[31/01/2015] - Tatuagem de flores
[29/01/2015] - Ferreira Gullar, a poesia que nasce do espanto
[29/01/2015] - Enchente em Porto Velho-RO, em 1982
[28/11/2014] - A semente a ser plantada
[24/11/2014] - Opções de turismo em Porto Velho
[12/11/2014] - Pensamentos e frases
[31/10/2014] - O valor do prefácio
[23/10/2014] - As muitas águas não podem apagar o amor

:: Leia Mais   
 
   Frases & Pensamentos

 

"Apegar-se apenas ao necessário, e exercitar viver com o mínimo possível, é ser sábio; na escassez, a falta será pouca e saber-se-á superar a crise." (jose valdir pereira)
O conhecimento é tão vasto quanto o universo; nós somos do tamanho do nosso conhecimento. (José Valdir Pereira)
 
 
   Calendário



   Enquete
Nome do teatro estadual de Rondônia
Palácio das Artes
Mamoré
Madeira
Guaporé
Rondon
Humberto Guedes
Jamari


























 

Este site é um projeto cultural sem fins lucrativos.
A veiculação de textos, voz e imagem não é remunerada.
As idéias e opiniões expostas por colaboradores e homenageados podem não ser necessariamente as mesmas do Editor.
O site respeita a liberdade de expressão e a pluralidade de comportamentos.


Copyright ©2004 - Todos os direitos reservados.